Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, Mulher, de 26 a 35 anos, Portuguese, English, Cinema e vídeo, Informática e Internet, cachorrinhos
MSN -



Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 BíbliaWorld
 Lagoinha On Line
 A Sunny Place
 Advisimplesmente
 Algumas Observações
 Anormalizando
 Avassaladoras
 Blog da Denise
 Blog da Kamilla
 Blog da Magui
 Blog da Micha
 Blog da Paulinha
 Blog da Ruby
 Celebreiros
 Devaneios na Pele
 Escritos Humanos
 Felis Catus
 Literaturando
 Lulu on the sky
 Luz de Luma
 Mevitevendo
 Saia Justa
 Tempestade Cerebral
 Tranfigurar
 Vigilantes da Auto-Estima


 
Amigos Virtuais


Mudanças.

Oie, td b?

Tô planejando uma mudança.... confiram!!!

http://procurandoamigosvirtuais.blogspot.com/



Escrito por Nana. às 23h47
[] [envie esta mensagem] []



E a vida segue...

Oie, td b?

Com certeza, a vida segue. As coisas vão acontecendo e tudo vai entrando nos eixos – ou dando viradas inesperadas – mas a vida segue. A minha está seguindo.

Achei que não seria possível sobreviver a mais uma perda na minha vida social – os amigos que estão namorando e se afastaram, como falei no último post. Como sempre, tenho aquela eterna sensação de que tudo é definitivo e que o aconteceu, aconteceu. Ponto e acabou.

Mas todos sabemos que a vida não é assim né?! E, a cada nova virada, percebo q nada é tão definitivo quanto parece. Sinal que estou amadurecendo, eu espero.

Comecei a semana recebendo uma bomba: a historia q meu ex ia embora. No fds, a coisa parece q já voltou ao normal e ele me tratou bem friamente no sábado depois do culto. Mas me mandou um recado bem fofo hj no orkut e já relevei a atitude do fds - aliás, esses altos-e-baixos nossos estão ficando memoráveis, né?! Mas o recadinho veio pq... eu explico: hj é meu aniversário - dia 28 (pq já passou da meia-noite q estou escrevendo o post, então já é dia 01. Apesar de eu só considerar q o dia mudou depois q durmo e acordo de novo... se não fui dormir ainda, então ainda é meu aniversário!!!)

Fiquei mais experiente hj – me recuso a falar que fiquei mais velha...rsrsrs – e ganhei alguns presentes: da mammy veio um pijama, uma meia roxa q eu queria, uma bolsinha bem invocada – a minha cara –, uma rasteirinha dourada – tava precisando de um chinelinho de verão pra parar de usar tênis preto com meia em pleno calor de 40° à sombra...rsrsrs -  e a parceria para pagar o pacote Telecine...eba!!!! Filme em tempo integral em casa agora!!! Do pessoal do trampo, ganhei um chaveiro com a inicial do meu nome, uma rasteirinha – tá vendo como tava precisando?! Rsrsrs -, e uma caixa de bombom. Do pessoal da igreja, teve a comemoração no sábado... não foi exatamente como eu esperava pq a turma se dividiu em duas e nem todos foram na mesma lanchonete que eu. Mas quem foi fez a noite valer a pena, apesar do dilúvio que caiu na cidade e nos deixou ilhados por algumas horas. Toddynho precisou virar bote na madrugada de sábado para fazer a entrega do pessoal em casa. Esse é companheiro de aventuras mesmo!!!

Ah, temos novis... tenho um novo admirador na parada. Um cliente do trabalho – apelidado carinhosamente pelo meu chefe como “pintinho amarelinho” pq estava com uma camiseta amarelo Restart quando foi me ver – resolveu dar em cima de mim. Foi lá fora do horário dele ir lá com a desculpa de pegar um material e acabou confessando... “só vim fora do horário pra te ver”. Depois, corri atrás de informações básicas como estado civil e tal... Solteiro, ufa! Daí, ele apareceu de novo e pediu uma folha emprestada. Anotou o celular e me passou. “Meu celular está ai e meu nome, vc já sabe”. Uiiiiii... Acabei não ligando pra ele no fds – tinha a festa de aniversário da filha da chefe, a minha comemoração do meu niver com o pessoal da igreja, o Oscar – capitulo a parte, calma! – a preparação final pro casório... não dava pra encaixá-lo na agenda.  Mas ele foi lá na sexta depois q saí e deu com a cara na porta...ô dó!!! Hj, chegou com carinha de cachorro-que-caiu-da-mudança...”Esperei o fds td vc ligar”...”É...hã....é....não deu”. Com um monte de cliente q tava por perto, não dava pra esticar a conversa. Mandei um torpedo e ele respondeu. E me ligou 2 vezes depois do expediente. Na 3ª, eu atendi. Conversamos – não temos muito a ver, principalmente por causa da religião... já fui adepta do “namoro missionário e não costuma dar muito certo pra mim. Mas resolvi ficar aberta a pelo menos um sorvete com ele... o esforço do garoto merece.

Capítulo a parte – Oscar 2011. A noite dos meus sonhos. Pela primeira vez na vida, pude assistir o Oscar i-n-t-e-i-r-i-n-h-o. Sem cortes, sem BBB, sem Silvio Santos, sem transmissão de baixa qualidade com comentários toscos do José Wilker...td de bom! Primeiro, foi no E! pra conferir tapete vermelho. Depois, foi na TNT pra conferir a transmissão do prêmio – na íntegra, desde o início, sem cortes, sem dublagem tosca que não dá pra entender nem o português e nem o inglês e vc fica sem pegar a piada – com os comentários do fabuloso Rubens Edwald Filho... queria ter um tio daqueles!!! E depois, voltei pro E! – lá pelas 2h30 da matina – pra conferir o After Party e ver as celebridades indo para os bailes e jantares pós Oscar. Sem palavras... noite de sonho pra começar o ano novo da minha vida. Amei td!!!

Ah, esse selinho aí embaixo é pra tds vcs que fazem desse blog um cantinho virtual mais que especial! Obrigada por estarem na minha vida! Q Deus abençoe a cada um de vcs!

 

 



Escrito por Nana. às 00h12
[] [envie esta mensagem] []



Ai, meu coração!

Oie, td b?

“Tô com o coração a mil por hora.... pulando pra caramba!!! Acabei de encontrar o ex na rua... yupiiiii!!!! Há tanto tempo faço aquele caminho, esperando pelo maravilhoso dia em que Deus me daria a graça de encontrar “casualmente” com ele no horário de almoço.... E hoje Ele permitiu que isso acontecesse!!! Nos vimos, sorrimos, nos abraçamos e nos cumprimentamos como se ainda fôssemos um casal :“Oi amor, td b?” “Oi coração, o que tá fazendo no centro nesse horário?”. “Fui no banco”. “Ê, vida boa hein?!”. “Vida boa nada... ficar andando nesse sol?! E vc, chegando pra trabalhar?”. “É, fui comprar o jornal pra ver uns móveis...”. “Vai mudar é?!”. “É, vou precisar”. “Tchau”. “Tchau, coração”.... Bem que minha mammy fala pra gente andar impecável sempre... estava tomadinha banho, com cabelo molhado cheirando a creme, maquiada e bem arrumada... perfeita pra encontrar com ele!!! E olha que tinha me arrumado pensando no tal aluninho da escola que está a fim de mim....”

Ai, meu coração!!!!! Esse post aí era para ser colocado na quarta-feira passada – dia 16 – mas eu acabei deixando de lado por falta de tempo mesmo. Por isso ele veio por aki hoje pra iniciar o post.

Graças a Deus, a maré de doenças deu uma trégua e eu criei vergonha na cara e estou me cuidando pra valer. Quem me viu, quem me vê! Estou acordando todos os dias às 7h, tomando café-da-manhã direito (sucrilhos, frutas, iogurte), me troco e saio para fazer caminhada. Fiz meia hora de caminhada na primeira semana e agora estou caminhando uma hora, com sonzinho do mp3 e treinando respiração e postura. Cortei o refrigerante, manerei nos industrializados – Ruffles só no inverno...rsrsrs... – e estou comendo a cada 2 horas, mas só biscoito integral, água-e-sal ou uma frutinha. Muita água e boas horas de sono, além de terapia extra de filmes e livros pra fazer higiene mental – parte do tratamento da minha disfunção. É, tive que me reeducar mesmo.

Estou a mil por hora por causa do casório da minha amiga – aquele que eu vou ser madrinha. Vestido, jóias, cabelo, maquiagem, bolsa pra emprestar, cuidar da pele, da saúde, organizar chás pra os noivos, comprar presente do chá, meu presente de casamento, presente dos meus pais, confirmar presença na festa... ufa!!! Não imaginava que dava tão trabalho! No último sábado, organizamos o chá-dvd dos noivos... mais uma modalidade de chá: é que os noivos não bebem – e não dava pra fazer o tradicional chá-bar sem bebida né?! Daí, as mulheres deram itens da casa e os homens deram dvds. Legal né?! Organizamos tudo por email... foi uma loucura, mas foi muito legal me incluir na família – o evento foi organizado pelas irmãs dela e por mim. Na festa, teve uma brincadeira de contar o mico do noivo/a pelo melhor amigo/a. Claro q sobrou pra mim né?! Mas sabem que nem eu e nem ninguém lembrou de nada engraçado?! Isso me fez refletir que 17 anos de amizade com ela não causaram tantas emoções como os últimos doze meses com o pessoal da igreja nova: ficar perdida no canavial, ferver o carro, passar no radar,  batida no carro, namorar, largar, rir, chorar... enfim, fizemos muitas coisas juntos.

Pena que está todo mundo dispersando...a maioria está namorando, alguns se distanciaram por causa disso e eu descobri hoje que meu ex está cogitando a possibilidade de ir embora da cidade pra morar com os pais na cidade natal... a gente conversou bastante no MSN hj sobre isso... como bons amigos – pq ele não quer nada comigo mesmo... coloquei uma bandeira brasileira pra ele se tocar e nada... sinal q só me vê como amiga mesmo, paciência! E isso me causou um misto de dor e alívio. Claro que vai ser dolorido demais saber que ele está longe e que não teremos mais o contato do cotidiano, correr o risco de se esbarrar na rua como aconteceu semana passada... Mas, por outro lado, talvez só assim eu consiga refazer a minha vida.



Escrito por Nana. às 23h10
[] [envie esta mensagem] []



 

Socorrooooooooooooooo!!!

Oie, td b?

É, realmente estou precisando de socorro. Daqueles médicos, tipo pronto-socorro. Tô numa maré de doença q ninguém merece. Já fiquei íntima do pessoal do pronto atendimento da Unimed, da Santa Casa, da Farmácia....affff!!! Senhor, livra-me em nome de Jesus!

Primeiro, foi o mal-estar que falei pra vcs... exagerei na comida e acabei indo parar no P.S. com intoxicação alimentar. Tive que ficar internada para tomar soro e td (legal pq acabei fazendo novas amizades...rsrsrs.... a gente tem q apelar qdo está sem celular pra avisar a mãe que foi internada né?!). Depois, melhorei disso e foi minha coluna que travou. Fui pro hospital de novo – às cinco da manhã -  e esperei 2 horas pra ser atendida e tomar outro soro com medicação pra cortar a dor. Fora que minha pressão chegou a 18 e ninguém fez nada... só por Deus pra eu estar aqui contando isso pra vcs.

Com tanto remédio e estresse, meu estômago não melhorava nem a pau... passei uma semana na base da sopinha, tomando caldinho e remédio... Fui até num especialista pra ver o que tinha e tive q me submeter a uma endoscopia. Afffffffffffff! A saga do exame foi uma história a parte pq váááááááááááááárias pessoas tentaram me colocar medo, me dizendo que era horrível, que vc fica mal o dia todo... Por Deus, eu encontrei aquele carinha que tô a fim – o mais velho – no MSN na noite anterior ao exame e ele começou a me tranquilizar. Graças a Deus, o exame foi exatamente como ele falou (aliás, quem precisar de conselhos nessa área, tô a disposição!) – apesar de uma velhinha na sala de espera ter me dito que a anestesia fez ela cair da maca na primeira vez – e eu pude respirar mais aliviada.

Toda essa saga de saúde me fez repensar alguns valores e resolvi adotar novas atitudes: tô levantando cedo pra fazer caminhada todo dia; fazendo refeições com calma, tirei o refrigerante e o excesso de doce, injetei uma dose extra de frutas e verduras no meu cardápio... é, acho que isso já está ajudando a melhorar.

O problema é que hoje acordei com o pulso aberto...rsrsrs... acho que dormi em cima da mão, sei lá... tô com aquela atadura no pulso, tomando anti-inflamatório e passando pomada...ah, e orando pra minha santa mãozinha voltar ao normal pq até pra dirigir tá sendo um sufoco – hj, parei o Toddynho num espação enorme pra não precisar manobrar e, qdo voltei, um dito-cujo q tentou aproveitar a sombra, estacionou em lugar proibido e fechou meu carrinho. Quase morri pra conseguir tirá-lo de lá – praticamente com uma mão só...rsrsrs.

Da parte pessoal – só pra mantê-los informados – estou um pouco mais sozinha pq minha nova-melhor-amiga está namorando... Daí, no fds eu segurei vela pra ela na sexta mas no sábado saí com meu pequeno harém masculino, que inclui dois amigos, o novo paquera (o mais velho) e meu ex q tava todo-todo comigo. Fomos no culto e o novo paquera ficou conversando comigo o mó tempão sobre o exame e minha saúde e tal. Claro q o ex tinha q vir no meio e pediu carona pro carinha...rsrsrs. Fomos comer pastel e ficamos falando do casamento da Tina, do fato de eu não querer casar – rolaram algumas indiretas mútuas entre nós – e muita risada, graças a Deus. Depois, fomos conhecer o novo point da cidade – o boliche. Ficamos lá olhando o pessoal jogar, pq estávamos sem dindin – e claro q fiquei entre o novo paquera e o ex q ficou do meu lado...rsrsrs... e lá se foram mais algumas indiretas sobre meu presente de aniversário (brinquei q queria fazer a festa ali e o ex disse que ia me dar um presente super luxo: uma diária numa suíte super luxo de hotel. Falei q sozinha não tinha graça e ele disse que iria comigo pra não me sentir sozinha...rsrsr). Depois, saímos de lá e fomos no parque pra conversar. O ex veio todo-todo elogiando meu novo cabelo e ficou fazendo graça a noite toda – bem típico. Uma noite perfeita! Acho q ele está assim pq ele tb está um pouco mais sozinho: o melhor amigo dele começou a namorar tb.... Não, o melhor amigo dele não está namorando a minha melhor amiga...rsrsrs... mas bem que poderia ser assim né?!

 



Escrito por Nana. às 23h14
[] [envie esta mensagem] []



Mal-estar.

Oie, td b?

Tô mal. Mal pra caramba... nem faz idéia do que aconteceu.

Esses dias eu tô meio em nostalgia por causa do ex. Por causa de td que aconteceu no fds e por causa daquela droga de sonho-filosofia que tive com a gente casado e vivendo o sonho da banda juntos... Afff...

Daí, choraminguei tanto com uma amiga q ela resolveu tomar minhas dores e ir falar com ele. Nããããããããããããããããããããão... ela não foi pedir pra ele voltar pra mim. Só foi sondar o que tava acontecendo e tal. E ela me ligou pra contar.

Falou q foi na casa dele pra conversar sobre os problemas da banda... todos os atritos q tão rolando entre ele e o ex dela (o melhor amigo dele até então) e td mais. Daí, papo vai, papo vem... começaram a falar dos problemas nos relacionamentos e tal... E ele disse que não gosta mais da ex – antes de mim – mas que se ela chegasse a pedir pra voltar, ele ia ficar balançado. Daí, chegou em mim...Socorrrooooooooooooooooooooooooooooo!

Disse que realmente achava q ia ser diferente comigo, q não prometeu casamento e foi ver casa na CEF à toa – ele realmente apostava que ia dar certo. Que eu era a mulher da vida dele. Estava super feliz e apaixonado por mim. Mas q não sabe o q aconteceu. De repente, do nada, começou a sentir q as coisas estavam esfriando. Q ele não sentia mais o mesmo por mim e que eu estava me sentindo mal com isso e ele percebia isso, mas não tinha coragem de falar. E q ele ate tinha pensado em conversar cara-a-cara mas sabia q não ia ter coragem de falar na minha cara pq me acha maravilhosa, simpática, linda, a melhor companhia q ele já teve, gosta das mesmas coisas q ele – a única garota q gosta de seriado tanto qto ele e consegue manter uma conversa a respeito disso – e por isso estava tentando contornar a situação e levar o namoro da forma q tava.

Mas daí, ele entrou no MSN e viu a tal frase “quem não dá assistência, abre portas pra concorrência” – alias, ele lembra dela até hoje – e ficou puto (Obs: ele pediu até desculpas pra ela, mas disse que literalmente ficou puto!). E jogou td pro alto. Achou q não valia mais a pena tentar, se aquela era a minha opinião.

Mas q até hoje se sente culpado por não ter falado na minha cara, ter conversado a respeito, sentado e discutido como 2 pessoas adultas. Mas até hoje tb acha q não teria coragem de terminar se ele tivesse q conversar cara-a-cara comigo a respeito.

Por isso q, desde o começo, sempre senti q ele me trata cheio de dedos, com sentimento de culpa como se o errado total e completo da historia fosse ele... e é. Mas tb não é! Ah, não sei de mais nada...

Nesses últimos tempos, rolou uma paquera com outro carinha da igreja - o tal mais velho que tinha falado antes - mas não foi a mesma coisa. A conversa não flui, não rola aquela química. E, pra ajudar, a minha amiga tá de caso com um cara-nada-a-ver mas que ela acha que é o homem da vida dela. Fazer o q, né?! Sobrei.

Ontem, passei muuuuito mal. Não, não foi por causa do ex. Foi por causa de uma porcaria de salgadinho que comi no trabalho. Por causa da auditoria que tá rolando - é, mais uma vez, estamos em auditoria - e eu fui comer correndo e deu nisso. Vomitei até a alma, quase perdi o intestino e tive que ficar internada por 3 horas pra tomar soro...primeira vez na vida!!!

Mas acho que hoje estou melhor. E tentando me recuperar. Fisica e mentalmente...



Escrito por Nana. às 23h45
[] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]